AD

Tempo real: deputado caiadista repudia protesto: “Virou baderna com bandeiras de Che Guevara; não eram estudantes”

O deputado estadual Amauri Ribeiro (PRP) utilizou do Pequeno Expediente durante sessão ordinária desta quinta-feira, 9, para repudiar a manifestação de estudantes que acompanhavam da galeria da Casa a votação do projeto que altera as regras para o Passe Livre Estudantil, durante a sessão de ontem.

“Eu vi, o que era para ser um manifesto, virar uma baderna absoluta e um desrespeito à essa Casa. O deputado Alysson Lima foi falar em defesa de quem estava lá em cima e foi vaiado, dando a entender de que eles não vieram defender seus interesses, mas sim exclusivamente para fazer baderna”, afirmou.

O parlamentar criticou o fato de os estudantes ostentarem bandeiras com a imagem de Che Guevara. “Convenhamos, acho que a maioria das pessoas que estavam aqui não tinham perfil de estudantes”.

Sobre as mudanças propostas para o Passe Livre, Amauri diz que alguns pontos não foram aceitos nem mesmo pelos deputados da base e que estão apresentando emendas ao projeto. “Mas, concordamos sim que tenham alguns requisitos. Tudo tem que ter critério nesse País e nesse Estado”.