Talles: “Caiado tem se ocupado em apagar realizações do governo anterior sem se preocupar com as consequências para o povo goiano”

Após realizar audiência pública e ouvir reivindicações dos representantes de entidades estudantis, o deputado estadual e líder da oposição Talles Barreto  explicou os motivos de ser contrário ao projeto que previa cortes do programa do Passe Livre Estudantil e foi retirado de pauta nesta segunda-feira (13) pelo governo estadual.
Talles critica as ações de Caiado que só têm dificultado o acesso ao ensino no Estado, o que foi reforçado com o envio da matéria na semana passada para a Assembleia Legislativa. Segundo ele, “o atual governo tem se ocupado em apagar o legado do governo anterior sem se preocupar com as consequências para o povo goiano. A prova disso é que até mesmo o nome do Programa Passe Livre será alterado”.
Sob o argumento que a matéria será reanalisada pela equipe, o governo cedeu às pressões dos estudantes e, de modo geral, dos deputados que se posicionavam contrários à sua aprovação a exemplo de Talles Barreto que apontou falhas, inclusive, na redação do texto.
Contudo, a gestão estadual alega que após a reanálise e possíveis reconsiderações o projeto será encaminhado para a Alego restringindo, ainda, para aqueles que são estudantes com renda familiar de até três salários mínimos e que sejam beneficiários de programas sociais, como o Bolsa Família e o Renda Cidadã cumprindo assim sua função social.
Reforçando o que disse Talles Barreto, “o que falta é sensibilidade do Governo em reconhecer as necessidades da sua população”.

Mais uma vitória para a população nesse governo de desmandos e desmontes.