Exclusivo: Caiado e Gavioli acabam o EJA no Colégio Aplicação do IEG e prejudicam 150 alunos

Mais uma ação desastrosa do governador Caiado e da secretária Gavioli na educação estadual. A Seduc informou professores do Colégio Estadual de Aplicação (que fica atrás do IEG, na Vila Nova) que o turno noturno, dedicado para a Educação de Jovens e Adultos, o EJA, será fechado. São 17 profissionais que trabalham no colégio e mias 150 estudantes. A Seduc diz que os aluno serão remanejados para outras unidades; só que as escolas mais próximas estão a pelo menos 3 Km, sendo que a maioria não tem condições de pagar passagem de ônibus.

O motivo para exterminar o EJA no Aplicação é um só: número baixo de alunos, 150. A secretária Gavioli já disse que escola estadual com menos de 200 alunos é prejuízo na certa.

“É um total desrespeito à comunidade escolar e tira a oportunidade do aluno de estudar. Justamente estes alunos que são desprovidos de boas condições financeiras e não tiveram oportunidade de estudar na idade certa. Com certeza essa não é preocupação da Seduc”, disse um professor ao 24Horas.