Governo Caiado cobra por uniformes de servidores do Vapt Vupt mesmo sem garantia de permanência do emprego

O governo Ronaldo Caiado (DEM) determinou que, em sua gestão, os servidores do Vapt Vupt terão de pagar pelos uniformes de trabalho – na era Marconi Perillo (PSDB), a roupa funcional não era cobrada dos funcionários.

Não bastasse a maldade, de R$ 22 por uniforme, a cobrança é feita mesmo sem a garantia de manutenção no cargo. É que os servidores de todas as unidades do Vapt Vupt estão passando por uma série de testes de conhecimento que vão balizar uma redução no quadro.

O governo Caiado não revela o tamanho do corte. Quem comprar o uniforme está sujeito a ser mandado embora com a “lembrança” – a despesa. É muito fofo, esse governador.