Recepção a Caiado no Festival Italiano de Nova Veneza foi fria e tensa. Houve vaias também

Assim como acabou acontecendo por onde passou no domingo, especialmente em Pirenópolis, onde foi vaiado, a ida de Ronaldo Caiado ao Festival Italiano de Nova Veneza foi tensa, até pela ação ostensiva dos seguranças do governador.

A recepção a Caiado foi muito fria, ao contrário do que acontecia nos tempos do ex-governador Marconi Perillo.

As pessoas não se levantaram das mesas para cumprimentar Caiado. Um homem até se negou a pegar na mão do governador, que,  constrangido, acelerou o passo com sorriso amarelo na boca.
Houve vaias também.