A foto diz tudo: sozinho na defesa de Caiado, Bruno é massacrado na Assembleia; principal algoz é Talles Barreto

A base caiadista abandonou o líder do governo, deputado Bruno Peixoto, na defesa do governo atual. Ninguém quer assumir o ônus de brigar por um governo impopular, altamente desmoralizado e, principalmente, odiado pelo funcionalismo público estadual. O emedebista fica sozinho no embate e todos os dias é surrado por Talles Barreto, principal e mais poderosa voz da oposição na Assembleia.