Tia do deputado Thiago Albernaz perde a boquinha no TCE, mas salva emprego no governo

A servidora estadual Adriana Albenaz, filha do ex-prefeito Nion Albernaz e tia do deputado estadual Thiago Albernaz, chegou a ser perseguida no início do governo Caiado. Ela teve a disposição para o Tribunal de Contas do Estado (TCE) revogada pelo governo e foi intimada a se reapresentar à secretaria estadual de Administração, sob pena de demissão por abandono do emprego.

Mas o curto-circuito foi resolvido e a paz voltou a reinar entre a  família Albernaz e o governador Caiado.

Por interferência do sobrinho deputado, Adriana foi acolhida novamente no ninho de origem, conforme ato assinado pelo secretário-chefe da Casa Civil, Anderson Máximo.

Menos mal: perdeu a boquinha no TCE, mas salvou o emprego no governo.