Rio Verde: vice-presidente do MDB indica a porta de saída aos traidores da legenda no município

O vice presidente do MDB de Rio Verde, Manoel Cearense, avisa aos infiéis da legenda no município que ainda não foram expulsos, como ocorreu com o prefeito Paulo Faria: escancaramos a porta da frente e estendemos tapete vermelho para eles adentrarem ao partido, mas, depois da vergonhosa traição, aguardamos agora que tenham dignidade e peçam para sair.

“Para os traidores, o MDB de Rio Verde só oferece uma porta, que é a porta dos fundos, a única serventia daqueles que querem ficar com os pés em duas canoas”, reage o vice-presidente emedebista.