Prefeito Paulo Faria: promessa da municipalização da água em Rio Verde foi para as calendas

Promessa mais alardeada na campanha do prefeito de Rio Verde, Paulo Faria (sem partido), a municipalização da água na cidade não saiu do papel e foi para as calendas. Segundo relatos de vereadores do município, isso seria feito pelo prefeito já no primeiro ano de mandato. Acontece que a gestão municipal está chegando ao fim  e a promessa caiu no esquecimento do gestor.

Segundo o vereador Manoel Pereira (PSDB), a cobrança da promessa ao prefeito é recorrente na cidade, mas ele faz de conta que não escuta. Ele explica que a proposta era municipalizar a distribuição de água em Rio Verde e consequentemente diminuir os valores cobrados atualmente pela Saneago.

“Isso nunca saiu do papel. E foi um compromisso que ele fez com o povo. O que na verdade tem sido feito é o contrário disso, pois o serviço tem ficado cada vez mais caro”, disse. O vereador aproveita  para lembrar outras promessas de campanha que não foram cumpridas pela atual gestão, como a construção das 4 mil casas populares e o Centro de Tradições Nordestinas. “A lista é extensa”, afirma Pereira.

O vereador Elvis (PRP), por sua vez, reforça o que foi dito por Pereira e disse que o prefeito prometeu que levaria um bom atendimento aos pacientes oncológicos, prometeu fazer uma casa de apoio em Rio Verde, disse que não iria prejudicar os ambulantes, e os moto taxistas. “O que vemos é exatamente o oposto disso. Paulo do Vale é um enganador, um homem de promessas não cumpridas”, assinala.

Sobre a municipalização da distribuição de água em Rio Verde, Elvis ressaltou que a questão tem sido cobrada religiosamente pelos vereadores, uma vez que, para o parlamentar, “isso iria contribuir bastante com o bolso da população, especialmente dos mais humildes”.

A promessa não cumprida neste primeiro mandato na avaliação do vereador tende a ser usada novamente por Paulo do Vale que deve ser candidato a reeleição. “Ele sentiu o gosto de ser coronel e do poder nas mãos. Ele trará em seu projeto de reeleição não só essa, mas outras novas promessas”, aposta.