Caiado manda fechar o trânsito de rua movimentada de Trindade, desagrada geral e acaba tomando vaias

Usando a máquina pública, o governador Ronaldo Caiado revoltou romeiros em Trindade.

Excessivamente vaidoso e forçando a barrar para aparecer, Caiado mandou a sua segurança fechar a Rua Dr. Irani Ferreira, via maior fluxo de romeiros no centro de Trindade, paralisando o trânsito e impedindo o acesso às nas lojas e restaurantes em pleno horário de almoço para seu uso particular.

Se a intenção era demostrar humildade ao andar no meio do público, o tiro saiu pela culatra: os romeiros ficaram furiosos devido o grande tumulto gerado pelo exibicionismo do governador.

Caiado desagradou geral ao determinar que viaturas do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar fechassem o trânsito para fazer exploração política barata da fé da população.

Por isso, mereceu as vaias  que tomou no local.