AD

Para advogado, Vaza Jato prova que procuradores hoje são partido político e que Telho faz parte dele

O filme do procurador da República Hélio Telho está cada vez mais queimado depois que o site The Intercept revelou que existe um relacionamento pouco republicano entre ele, outros procuradores, promotores e o Psol. O advogado Kowalsky Ribeiro afirmou no Twitter que a os vazamentos e mensagens telefônicas (chamado operação Vaza Jato) prova que os procuradores hoje se constituem num partido político e que Telho faz parte dele.

Kowalsky diz que o senador Randolfe Rodrigues (Psol-PA) hoje não é nada mais do que despachante dos procuradores no Congresso.