Graças a ajustes feitos por Marconi, Goiás manteve Nota C no ranking do tesouro, afirma Cileide Alves

Ao analisar o fechamento dos números fiscais de 2018, a jornalista Cileide Alves afirmou no podcast de política desta semana da Rádio Sagres 730 que Goiás manteve a Nota C no ranking do Tesouro Nacional (STN) porque o então governador Marconi Perillo (PSDB) fez ajustes nas contas públicas em seu último mandato.

Graças às medidas, disse Cileide, Goiás reduziu seu nível de endividamento e não pode aderir, como quer o governador Ronaldo Caiado (DEM), ao Regime de Recuperação Fiscal (RRF) do governo federal. Nota C significa que a situação de fiscal é boa, melhor do que boa parte dos Estados.