Governo Caiado arrocha fiscalização de uso indevido de água, mas racionamento ainda não está descartado, afirma secretária de Meio Ambiente

O governo Ronaldo Caiado (DEM) não consegue mesmo gerir bem nenhuma área da administração pública.

A péssima notícia da vez para o cidadão é que, mesmo depois do arrocho na fiscalização para controlar o uso da água no Estado, a Saneago poderá ter de fazer racionamento neste ano.

“O risco de racionamento não pode ser descartado”, disse a secretária de Meio Ambiente caiadista, Andréa Vulcanis. Depende do pessoal da cidade, que tem que reduzir o consumo, e da colaboração da zona rural”, afirmou.

Ou seja, a culpa é do consumidor e do produtor rural, e o governo não tem nada a ver com isso. É o fim do mundo.