É grave: comissão muda a nota da Consolidar em um ponto em avaliaçao objetiva, ela perde por 0,3, e favorece Imed

Tem tudo para ser um chamamento púbico com cartas marcadas o certame que escolheu a OS Imed para gerir o Hutrin. Segundo denúncia na Justiça, a comissão mudou a nota da Consolidar em um ponto em avaliaçao objetiva,  ela perdeu por 0,3, e favoreceu o Imed. Esse fato é um dos que levou o desembargador Olavo Junqueira a decretar a suspensão da concorrência.