PEC de Caiado que retira 500 milhões da Educação pode ser votada na semana que vem

A PEC que retira R$ 500 milhões da Educação pode ser votada na semana que vem. O governador já teria autorizado o presidente da Assembleia, Lissauer Vieira, a colocar o teto em votação. Caiado quer testar a base governista na Casa, já que a emenda precisa de 2/3 para passar. Nos bastidores, negocia-se pagamento de emendas parlamentares e nomeação de cargos, num verdadeiro balcão de transações tenebrosas.