Otavinho Lage e Adial são Robin Hood às avessas: tiram dos pobres para dar aos ricos

A verdade é que essa história de incentivos fiscais é um grande engodo para iludir a população e garantir privilégios a empresários ricaços que aumentam ainda mais suas fortunas em detrimento de investimentos em políticas públicas para beneficiar a população que poderiam ser feitas com o dinheiro dos impostos que deixam de ser pagos.
Na prática, ao defender a isenção de tributos, Adial e Otavinho Lage, presidente da entidade, funcionam como Robin Hood às avessas: tiram dos pobres para dar aos ricos.