Schmidt muda discurso e não ataca mais o governo passado. Agora, culpa crise nacional

Os deputados estaduais que assistiram à prestação quadrimestral de contas da secretária de Economia, Cristiane Schmidt, na Assembleia Legislativa nesta quarta-feira, notaram que a autointitulada “bruxa forasteira” da gestão Caiado pela primeira vez não atacou mais o governo anterior para justificar dificuldades da administração atual. Desta vez, ela culpou a crise econômica nacional.