TEMPO REAL: professor diz ameaças que impedem UEG de dar passo à frente

Professor Adelino, do campus da UEG de Campos Belos, fez um desabafo sobre a crise a universidade enfrenta, em reunião do Conselho Universitário que acontece agora em Anápolis: “Há grandes incertezas na UEG. A primeira é a demissão de todos os temporários no dia 30 de novembro. Os alunos nos enchem de perguntas que não sabemos responder. São perguntas que paralisam a universidade e nos impedem de dar um passo à frente. Alunos não sabem se terão orientadores para o trabalho de conclusão de curso. Por estas razões é que pedimos o adiamento de vestibular”.