Após audiência “horrível”, relação entre professores e governo Caiado piora. Possibilidade de greve aumenta

A relação entre professores estaduais e governo Caiado, que já não era das melhores, piorou nesta segunda-feira. Na audiência de agora há pouco, o governo reafirmou que não tem condições de pagar o piso salarial nem a data-base para a Educação. Um professor ouvido pelo 24Horas qualificou a reunião como “horrível”. “Querem a educação pague o pato sozinha. O governo não cedeu em nada”, disse o servidor. Assim, a assembleia desta terça-feira ganha ainda mais força. A possibilidade de greve na educação aumentou ainda mais.