VÍDEO: professor Weslei coloca Psol à disposição de militante gay agredido e estuprado em Goiânia

O professor universitário Weslei Garcia (Psol) gravou um vídeo para as redes sociais em que coloca a estrutura jurídica e política do Psol à disposição do estudante Vinícius Rafael, o militante LGBTQI que foi agredido e estuprado em Goiânia durante a parada gay, que aconteceu no dia 8 de setembro. Weslei considera o episódio “inaceitável”. Confira.