Em São Paulo, Caiado deixa UTI, mas vai seguir em observação por 48 horas

Boletim médico divulgado nesta sexta-feira (11) indica que o governador Ronaldo Caiado deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas continua internado em um apartamento no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.  Assinada pela médica Ludhmila Hajjar, a nota sobre o estado de saúde do governador de Goiás afirma que ele foi submetido a uma endoscopia e passou por uma avaliação médica nesta sexta-feira. Não foram detectados problemas.

“O governador passa bem. Dormiu tranquilamente à noite e se alimenta normalmente”, continua o comunicado. Caiado está no apartamento acompanhado por familiares e continuará sob observação médica nas próximas 48 horas.

Caiado está internado na unidade de saúde de São Paulo desde a noite de quarta-feira, após ter sentido um mal estar. O caso aconteceu na tarde de quarta-feira, quando ele deu entrada no Hospital do Coração de Goiânia, com hipótese diagnóstica de insuficiência coronária. Na unidade, ele foi submetido a um cateterismo cardíaco. Mais tarde, a própria família optou pela transferência para São Paulo.

No Sírio-Libanês, foi realizado um novo cateterismo e optou-se pela realização de uma angioplastia com a implantação de um stent.