Pode perder o cargo no TCE: conselheiro Tejota é flagrado fazendo política na Câmara dos Deputados em Brasília

Conselheiros de Tribunal de Contas não podem por lei se envolver em atividades políticas, sob pena de perderem o cargo.

Como julgador de contas de governos, exige-se deles desfiliação partidária e o máximo de discrição para não contaminar os processos a eles submetidos.

Isso não é, contudo, o que faz o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Sebastião Tejota, ex-deputado e pai do vice-governador Lincoln Tejota.

Na última quinta-feira (31), por exemplo, Tejota faltou ao expediente no TCE e passou dia fazendo política com o filho em Brasília. .

Tejota esteve por um bom tempo no gabinete do líder do governo, o deputado goiano Vítor Hugo, na Câmara dos Deputados, conforme atestam fotos postadas pelo próprio parlamentar nas redes sociais.

O que estaria fazendo um conselheiro de contas na Câmara dos Deputados, uma casa onde só se fala e se respira política?

Há quem diga que a resposta pode ser encontrada nas articulações que filho vice-governador, hoje sem partido, empreende no momento para definir o seu futuro partidário.