Aos 300 dias de Caiado, servidores ainda não sabem quando e se vão receber salários

São muitos os retrocessos acumulados por Goiás após 300 dias de governo Ronaldo Caiado (DEM), mas nenhum é mais lembrado na gestão que a ausência absoluta de um cronograma de pagamento dos salários.

De novo, a comparação é tenebrosa para Caiado: os funcionários estaduais diziam que com Marconi Perillo (PSDB) compromisso de pagamento salarial feito era compromisso cumprido.

Com Caiado, até hoje os servidores ainda não sabem quando e se vão receber os salários.