No governo Caiado, nem secretária de Educação consegue escrever sem cometer erros de português

Importada pelo governador Ronaldo Caiado de Rondônia, um estado de nunca foi referência em ensino público, a secretária estadual de Educação, Fátima Gavioli, voltou a comer erros de português em post publicado na sexta-feira no Facebook. Gavioli escorregou nas regras para uso de vírgulas. Em ambos os casos assinalados pelo blog, a vírgula é inapropriada. Ou ela deveria escrever “governador Ronaldo Caiado” ou “governador de Goiás, Ronaldo Caiado” (nesta segunda opção, a vírgula seria correta).