Lêda Borges: Caiado enterrou programas sociais do governo, apesar do superávit de R$ 3 bilhões

Em brilhante discurso na tribuna da Assembleia Legislativa nesta quarta-feira, a deputada estadual Lêda Borges (PSDB) disse que o governador Ronaldo Caiado (DEM) enterrou os programas sociais do Estado – por terem sido criados pelo antecessor Marconi Perillo -, em que pese o superávit de R$ 3 bilhões previsto para este ano. “Onde está esse dinheiro?”, pergunta ela. 

“O programa Renda Cidadã acudia 76 mil famílias vulneráveis, que precisam da tutela provisória do Estado. Hoje, o que vemos é o pouco interesse em solucionar os problemas que envolvem este programa em Goiás. O governo já comunicou que não concederá nenhuma Bolsa Universitária nova em 2020. O Jovem Cidadão, auditado pelo TCE, não está cadastrando nenhum jovem. O governo terá superávit de R$ 3 bilhões neste ano enquanto todos os programas sociais estão estagnados. Para onde é que está indo todo este superávit?”, questiona.