Mabel processa Caiado por danos morais

O presidente da Fieg, Sandro Mabel, acionou seus advogados para abrir processo por danos morais contra o governador Ronaldo Caiado.

Mabel foi chamado de “mercenário, canalha e desumano” por Caiado depois de se manifestar contra a vinda dos brasileiros repatriados de Wuhan para Anápolis.

O líder classista lembrou o episódio Césio 137 e disse que a quarentena pode repercutir negativamente a venda de produtos industrializados e da carne de Goiás.