Na Sagres, Lissauer diz que Goiás não vai conseguir adesão ao Regime de Recuperação Fiscal

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Lissauer Vieira (PSB), afirmou em entrevista à Sagres 730, nesta segunda-feira (17), que como Goiás decidiu não privatizar integralmente suas empresas, incluindo a Saneago, não terá condições de aderir ao Regime de Recuperação Fiscal (RFF).

O governador Ronaldo Caiado (DEM) tem repetido que o Executivo não tem plano B, que só trabalha com a possibilidade de adesão ao RRF. Mas, Lissauer observa que, de acordo com as conversas das quais tem participado tanto no Supremo Tribunal Federal e no Ministério da Economia, não há dúvida de que sem a venda da Saneago será impossível o acesso do Estado ao RRF.

“O Regime de Recuperação Fiscal só poderá ser aderido pelo Estado de Goiás a partir do momento que libere ou flexibilize através de lei, a privatização das estatais”.