Sesc e Senac vão fechar 17 unidades em Goiás devido corte de 50% na arrecadação

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) enviou um documento ao governo de Goiás, informando o fechamento de 17 unidades do Sesc e do Senac no Estado, devido ao corte de 50% na arrecadação compulsória em três meses, definida pelo Governo Federal.

A queda, segundo a confederação, vai provocar demissão de mais de 10 mil trabalhadores em todo o País. No Brasil, ao todo, são 265 unidades fechadas. O grupo também anunciou a redução de mais de 36 milhões de atendimentos.

Em Goiás, o presidente da Fecomércio-GO, Marcelo Baiocchi, estima que o prejuízo finaneiro será de R$ 25 milhões.