Licitação de R$ 125 milhões no Ipasgo é um abuso do governo Caiado contra o povo goiano

A monstruosa licitação de R$ 125 milhões do Ipasgo para contratar um software é um verdadeiro tapa na cara dos goianos, neste momento de grave crise na saúde. O TCE entrou na parada e suspendeu o processo licitatório. O pior de tudo é que o presidente do Ipasgo, o médico Silvio Fernandes, ainda tenta justificar o gasto.

A licitação é totalmente maluca no momento em que todos os goianos estão passando por uma grave crise na saúde e que tem interferência direta na vida de financeira de cada uma. Milhares estão impossibilitados de trabalhar, ficando com a renda familiar totalmente comprometida.

Enquanto isso, o governador Caiado só pensa em cortar benefícios dos servidores e enxugar os gastos com o funcionalismo. Mas, como levar a sério isso, se ele permite uma licitação desse tamanho???