Em menos de 1 ano, dois policiais do Serviço de Inteligência são assassinados na Grande Goiânia

Na noite de domingo, o cabo Leandro Ferreira França foi assassinado na região do Jardim Guanabara, em Goiânia, enquanto trabalhava numa operação da Polícia Militar. Leandro e um parceiro de farda estavam numa viatura descaracterizada, que faz o trabalho de apuração. A viatura da “Diagonal” foi alvejada e França levou um tiro na cabeça, não resistindo aos ferimentos. É o segundo policial do Serviço de Inteligência morto na Grande Goiânia durante o trabalho.

Em setembro do ano passado, o jovem soldado Walisson Miranda foi baleado na cabeça durante uma ação também dentro de uma viatura descaracterizada, em Aparecida de Goiânia. Outros policiais estavam juntos com Walisson na viatura. O crime até hoje permanece um mistério e a família do ex-policial até hoje não sabe quem matou Walisson.