Furão: Deputado Diego Sorgatto (DEM) é o relator do projeto mais importante de Goiás em 2020, mas não votou

Estranhamente o deputado Diego Sorgatto (DEM) não votou no projeto que ele mesmo é o relator. A Assembleia Legislativa aprovou na última quarta-feira (6) o projeto de lei nº 2165, que remaneja R$ 351 milhões para que a Secretaria de Estado da Saúde (SES) possa avançar no aparelhamento de nove hospitais de campanha no combate à Covid-19, na capital e em municípios do interior.

A matéria, encaminhada por Caiado (DEM) na semana passada trata do socorro imediato para os municípios goianos na guerra contra o novo coronavírus, Covid-19, e o relator do projeto furou nas duas sessões, uma extraordinária,e não votou. Diego apenas respondeu a presença e depois sumiu. Diego virou a folha e mudou de partido, saiu do PSDB e foi para o DEM. Os tucanos se preparam para tomar seu mandato por infidelidade partidária, pelo jeito o moço é infiel até na hora de votar em seu próprio relatório.