Deputado Alysson Lima quer saber como os secretários de Caiado estão gastando o fundo rotativo

O deputado Alysson Lima (Solidariedade) solicitou em caráter de urgência as informações sobre como os secretários de Caiado estão gastando o fundo rotativo,
uma espécie de cartão corporativo. Cada secretário de governo tem direito a 40 mil reais por mês. O valor pode ser utilizado com passagens aéreas, restaurantes, propaganda e assim por diante. O fato é que as secretarias estão praticamente paradas, e para o deputado com a pandemia do novo Covid-19, nada justifica cada secretário do governo gastar 40 mil por mês em tempos de crise: “exercendo nossa função de fiscalizar o poder público, estamos solicitando em caráter de urgência informações do Governo do Estado de Goiás sobre os valores gastos até agora com o fundo rotativo nas secretarias e vamos mostrar para o povo goiano, que está no escuro em matéria de transparência por parte do governo Caiado”, pontuou Alysson.