Números: em Goiânia, 81% dos pacientes com coronavírus se curaram da doença

Goiânia registrou, até a última atualização na terça-feira (12), 752 confirmações de contágio do novo coronavírus. Segundo dados divulgados no boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), 375 casos tiveram investigação concluída pela pasta. Desses, 303 pacientes foram curados da covid-19, ou seja, 81% dos casos. Até agora, são 25 óbitos no município.

De acordo com o boletim, dos casos com investigação finalizada, 15 pacientes estão internados (4%), 32 pessoas permanecem em isolamento domiciliar (8%) e 25 morreram (7%). Ainda conforme os dados divulgados, 264 infectados não foram internados (70%) e 111 (30%) precisaram de internação.

Dos 375 casos com investigação concluída, os sintomas da doença nos pacientes passaram a ser sentidos no dia 2 de março. O último registro de sintomas é datado do dia 3 de maio. Segundo a SMS, 63% dos pacientes apresentaram tosse, 54% febre, 38% desconforto respiratório, 35% dispneia (falta de ar), 33% dor de garganta, 27% diarreia e 11% vômitos.

Veja abaixo a matéria completa do Mais Goiás

 

Ver essa foto no Instagram

 

[RECUPERAÇÃO] A cidade de Goiânia registrou, até a última atualização na terça-feira (12), 752 confirmações de contágio do novo coronavírus. Segundo dados divulgados no boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), 375 casos tiveram investigação concluída pela pasta. Desses, 303 pacientes foram curados da covid-19, ou seja, 81% dos casos. Até agora, são 25 óbitos no município. . De acordo com o boletim, dos casos com investigação finalizada, 15 pacientes estão internados (4%), 32 pessoas permanecem em isolamento domiciliar (8%) e 25 morreram (7%). Ainda conforme os dados divulgados, 264 infectados não foram internados (70%) e 111 (30%) precisaram de internação. . Dos 375 casos com investigação concluída, os sintomas da doença nos pacientes passaram a ser sentidos no dia 2 de março. O último registro de sintomas é datado do dia 3 de maio. Segundo a SMS, 63% dos pacientes apresentaram tosse, 54% febre, 38% desconforto respiratório, 35% dispneia (falta de ar), 33% dor de garganta, 27% diarreia e 11% vômitos. . A pasta continua a investigação de outros 382 casos (50%) do total de 752 confirmações da covid-19 em Goiânia. . @jessicasanreis/Mais Goiás | Foto: divulgação

Uma publicação compartilhada por Mais Goiás (@maisgoias) em