Em belo artigo, Demóstenes presta homenagem ao genial Aldir Blanc

Em belo artigo que transborda cultura e sensibilidade, o advogado Demóstenes Torres escreve sobre o genial compositor Aldir Blanc, morto no Rio de Janeiro por coronavírus.

O texto imperdível de Demóstenes é uma viagem ao tempo da boa música de um poeta que zombava da  ditadura e arquitetava rimas impossíveis à base de bife a cavalo, batata frita e sobremesa de goiabada cascão.

Confira a íntegra do artigo:

https://www.poder360.com.br/opiniao/brasil/a-partida-de-aldir-blanc-traz-frio-a-alma-escreve-demostenes-torres/