Depois de dizer que não aceitaria mais doentes do Entorno, Ibaneis ameniza discurso, mas cobra responsabilidade de Caiado

Após anunciar, na manhã desta quinta-feira (14), que o Distrito Federal não vai mais receber pacientes vindos do Entorno, o governador Ibaneis Rocha amenizou o discurso e afirmou que torce para que se chegue a um “bom termo”.

Ele, contudo, cobrou responsabilidade do governador de Goiás, Ronaldo Caiado.

Ibaneis disse que pediu ao secretário de Saúde, Francisco Araújo, para prosseguir com as conversas junto ao secretário da Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, para resolver a situação.