PT quebra silêncio e denuncia Caiado por fazer uso político da pandemia

O PT de Goiás divulgou nesta quarta-feira (27) nota à população goiana repudiando “o uso político que o governador Ronaldo Caiado tem feito da pandemia do coronavírus”. No texto, o partido afirma que Caiado colocou em risco a vida dos goianos. Os petistas criticam a flexibilização promovida pelo decreto estadual do dia 19 de abril.

“Exigimos uma postura séria de Caiado e também de Bolsonaro para reverter o crescimento do coronavírus em Goiás. Já são 104 mortos, 2.600 confirmados e mais de 18 mil suspeitas que por falta de testes não serão confirmadas, mascarando os números reais com a subnotificação. Flexibilizaram o isolamento, não salvaram a economia nem as vidas. Nossa gente está em perigo”, assinalou a presidente estadual do PT, professora Kátia Maria.

Na nota do PT, partido explica que não se opôs ao primeiro decreto de isolamento do governador, mas que sempre alertou para que, junto com o isolamento social, deveriam ser adotas políticas que pudessem assegurar que as pessoas que mais precisam tivessem condições de ficar em casa. Conforme descrito, as micro, pequenas e médias, precisam de apoio e aporte financeiro para atravessar essa crise. “Salvar vidas e salvar a economia são faces de uma mesma moeda para o Partido dos Trabalhadores, que já mostrou que para crescer e desenvolver a economia, é preciso distribuir renda.”