Atividades turísticas em Caldas Novas retornam em 1° de julho

A Prefeitura Municipal de Caldas Novas publicou nesta quarta-feira, 17, decreto que prevê a flexibilização das atividades turísticas no município. Por meio do documento, fica autorizado, a partir do dia 1° de julho, a reabertura de hotéis, pousadas e pensões com ou sem parques aquáticos e piscinas. Os locais deverão respeitar um limite pré-estabelecido e funcionar com uma taxa de ocupação de até 50% de sua capacidade.

O decreto ressalta também que todas as normas sanitárias para enfrentamento do coronavírus (Covid-19) deverão ser adotadas e obedecidas rigorosamente nesses estabelecimentos. O empresário interessado em retomar as atividades na data em questão deverá encaminhar um documento à Vigilância Sanitária informando o órgão a respeito de sua capacidade física de hospedagem e utilização dos parques aquáticos.

A partir disso é que a Vigilância traçará os percentuais para utilização das dependências de cada estabelecimento e emitirá, em paralelo, um alvará autorizando seu funcionamento a partir de 1° de julho. A empresa que violar as regras estabelecidas será, segundo a prefeitura de Caldas novas, imediatamente interditada.