Se Vanderlan for eleito prefeito de Goiânia, suplente Pedro Chaves ganha 6 anos de mandato no Senado

Quem votou em Vanderlan Cardoso para senador pode ter comprado gato por lebre.

É que Vanderlan foi eleito para oito anos no Senado, mas pode renunciar ao cargo se for eleito prefeito de Goiânia apenas dois anos depois de exercer o mandato de senador.

Se de fato vier a renunciar ao Senado, quem assume a sua cadeira é o ex-deputado federal Pedro Chaves (MDB), que ganha seis anos de mandato sem ninguém saber sequer de uma posição por ele defendida.

Em outras palavras, quem votou em Vanderlan, pode ter elegido o desconhecido Pedro Chaves para o Senado.