“Vamos investir na geração de emprego, renda e qualificação profissional”, afirma Vanderlan em debate

“Não adianta ficarmos falando que vamos fazer isso ou aquilo, sem antes atacarmos de frente o problema do emprego”. A declaração é do candidato do PSD a prefeito de Goiânia, Vanderlan Cardoso, durante debate na Associação Comercial, Industrial e de Serviços do Estado de Goiás (Acieg), na noite desta quinta-feira, 8.

Vanderlan destacou que em sua gestão a prefeitura vai garantir “a oportunidade” às pessoas trabalharem e se qualificarem. “Precisamos dar dignidade ao goianiense. Ter projetos de geração de emprego e renda para o cidadão ir ao supermercado e fazer suas compras. Adquirem o que elas quiserem, escolherem a marca do seu arroz e feijão”, disse.

O candidato do PSD também ressaltou que é importante as pessoas trabalharem próximo às suas casas. “Foi falado sobre o tema do transporte coletivo, e quando nós desenvolvermos essas regiões e as pessoas tiverem oportunidade de trabalhar próximo a sua casa, ou ter seu próprio negócio ali, no mínimo 30% do transporte coletivo superlotado já vai diminuir. E assim começamos a resolver mais um problema da nossa capital”.

*Saúde*
Sobre as propostas de saúde, Vanderlan disse que o gestor precisar “encarar a saúde como investimento e não despesa” e que há muitos recursos disponíveis para ampliar a assistência aos goianienses.

“A base principal é o Programa Saúde da Família. Precisamos levar esse serviço para quem precisa. Nossa meta principal é chegar a 100% de cobertura em Goiânia. Vamos fazer um esforço concentrado nesse sentido”, disse o candidato do PSD.

Vanderlan também destacou a retomada de cirurgias eletivas, que estão paradas devido à pandemia. “Vamos nos esforçar para resolver esse problema. Com os recursos disponíveis, dá para fazer uma excelente saúde e educação, basta que tenha gestão e planejamento”.

O candidato do PSD também defendeu investimentos na tecnologia da informação na área da saúde. “Nossos agentes de endemias ainda trabalham com pranchetas. Vamos dar melhores condições de trabalho nesse sentido. Goiânia avançou muito, mas podemos fazer mais”.

*Turismo*
Outro ponto destacado pelo candidato no debate são as ações que sua gestão desenvolverá para avançar no turismo da capital. “Em Goiânia, tínhamos o turismo de congressos, que deixou de existir, e gerava muitos empregos e renda. Temos o circuito da moda, que gera milhares e milhares de empregos”, disse.

Vanderlan também ressaltou que é preciso adotar medidas para o setor após a pandemia. “O ISSQN está no topo, é o mais alto que existe. É natural, porque precisa arrecadar. Mas vamos chamar os empresários, fazermos um acordo para reduzirmos os impostos, mesmo por um determinado período, e ajudarmos a recuperar esse segmento”.