“Não conhecia esse lado de Vanderlan”, diz Daniel Vilela em entrevista

Veja matéria do site Mais Goiás:

O presidente do MDB, Daniel Vilela, filho do candidato a prefeito de Goiânia, Maguito Vilela (MDB), volta a criticar as afirmações de Vanderlan Cardoso (PSD). Segundo ele, o candidato deve ter sido mal orientado para fazer declarações que contestam o estado de saúde do emedebista internado em São Paulo para tratamento contra covid-19.

“Isso não está no nosso controle. Nem do adversário. Por isso as declarações causaram perplexidade. Vanderlan frequentava a minha casa. Eu não conhecia esse lado dele. Não sei foi mal orientado. A doença não está sob o controle deles e nem do nosso. Temos agido com transparência e lealdade com o eleitor desde o início”, rebate.

Vanderlan disse no começo da semana que Goiás vive um “estelionato eleitoral”, coordenado pelo filho de Maguito, Daniel Vilela. “Vem essa lorota toda, essa conversa estranha de que ele está bem, mas ele teve que ser entubado de novo. Nós estamos vivendo em Goiás um estelionato eleitoral, estão ludibriando o eleitor, levando para uma comoção”, afirmou.

Daniel ainda criticou a declaração de Simeyzon sobre o fato de a campanha de Maguito ainda continuar com “atos festivos”. “Como estão depois das falhas? Vamos continuar com campanha bonita, não no sentido de festividade, mas para convencer a população de que nosso candidato fará uma boa gestão em Goiânia”, disse.

“Procuramos ser o mais transparente possível desde o começo. Fizemos vídeos com médicos. Para dar confiança ao eleitor. O que temos que fazer é relatar e transmitir a confiança à população, acreditando que ele [Maguito] estará apto para fazer um bom mandato”, pontuou.