Túlio Isac apresenta no plenário da Assembleia pedido de abertura de CPI com 21 assinaturas

Com 21 assinaturas, o deputado Túlio Isac (PSDB) apresentou nesta quarta-feira, no plenário da Assembleia Legislativa, pedido de instalação de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apura denúncias de fraudes nos fundos previdenciários municipais que vieram a público com a Operação Miqueias, deflagrada pela Polícia Federal.

Tulio Isac disse que a Assembleia não pode se omitir diante do escândalo de corrupção e afirmou que a sociedade quer que os deputados passem a limpo os fatos que motivaram a investigações da Polícia Federal, cujas implicações alcançaram o deputado Samuel Belchior, presidente regional do PMDB.

Samuel Belchior teve conversas telefônicas interceptadas pela Polícia Federal e foi lançado no centro do furacão da Operação Miqueias pelo apimentado envolvimento com a pastinha e ex-modelo Luciane Hoepers, que atuava como aliciadora de prefeitos e gestores de fundos de previdência municipal para a quadrilha chefiada pelo doleiro Fayed Treboulsi.

O deputado Samuel Belchior também assinou o requerimento de abertura da CPI.