O Popular faz balanço da semana e diz que Samuel Belchior “aparece” como lobista na Operação Miqueias

O trabalho de reconstrução da imagem do deputado Samuel Belchior, presidente estadual do PMDB, prossegue nas páginas de O Popular.

Samuel foi indiciado pela Polícia Federal como “lobista e intermediário” da quadrilha que foi desbaratada pela Operação Miqueias, acusada de desviar recursos de fundos previdenciários municipais.

A Polícia Federal pediu a prisão temporária do deputado, o bloqueio dos seus bens e afirma categoricamente, no inquérito, que ele é “membro da organização criminosa” e cometeu os crimes de formação de quadrilha e corrupção ativa.

Mas, para O Popular, na seção dominical A Semana foi Assim, o deputado só “aparece” como lobista na Operação Miqueias.

“Aparece” é muito pouco. No inquérito, muitas outras pessoas são apenas citadas, quer dizer, só “aparecem”. Não são indiciadas, como Samuel Belchior, nem tiveram a prisão temporária pedida ou o bloqueio dos seus bens, como, de novo Samuel Belchior.

O deputado deve estar feliz da vida com a cobertura do POP.