DM publica trecho do livro que revela ódio mortal de Lula contra Marconi

O Diário da Manhã desta segunda-feira publicou trechos do livro “Assassinato de Reputações: um crime de estado” (Topbooks), de autoria de Romeu Tuma Júnior.

A reportagem com a chamada de capa “Armadilha dos dossiês” traz a informação de que o governador Marconi Perillo estuda entrar com ação de reparação caso as investigações da Polícia Federal indiquem quem encomendou, de fato,  os dossiês falsos em 2010.

Naquele ano, conforme denúncia de Tuma Júnior, Lula teria encomendado na secretaria de Justiça, do Governo Federal, uma investigação para “fuminar Perillo”. O favor para Lula, conforme teriam dito a Tuma Júnior, ex-responsável pelo órgão, atenderia a um ódio mortal que ele teria contra Perillo, um dos autores da denúncia do mensalão.

“Marconi Perillo foi o primeiro político a avisar o ex-presidente Lula de que existia um esquema de pagamentos de parlamentares para que eles aprovassem os projetos de lei do Governo Federal.  O termo mensalão ainda sequer existia e o governador de Goiás avisou Lula de que o esquema era forte, a ponto de  deputados de Goiás terem sido chamados a participar da ilegalidade”, diz a reportagem.

A editoria Topbooks já anuncia a segunda edição do livro de Tuma, um dos mais vendidos do país.

Eis o conteúdo da reportagem.