Assessora de imprensa da presidência da Assembleia manda jornalista “chafurdar na mediocridade”

Recém-nomeada chefe do Núcleo de Imprensa da Presidência da Assembleia Legislativa, a jornalista Heloisa Lima desabafou no Twitter e deu uma de Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal, ao mandar recado a jornalistas “arrogantes”, cujo nome ou nomes não informou: “que continuem chafurdando na mediocridade”.

Especula-se que a assessora de imprensa do presidente da Assembleia, Helder Valin, estaria se dirigindo à jornalista Fabiana Pulcineli, de O Popular, que lançou no Twitter a campanha#abraacaixapretaAlego, em protesto contra um pedido de informações que fez e a “assessoria”, segundo ela, negou sob a alegação de que seria necessário um parecer da Procuradoria da Casa. Fabiana classificou o gesto de “indecência”.

Sugestivamente, Heloísa Lima conclui seus posts no Twitter dizendo que não tem mais “paciência com jornalista que pensa que é Deus, ou pelo menos Têmis, a deusa”, o que indica que o alvo da sua ira é mesmo Fabiana Pulcineli.

Veja os posts de Heloísa:

Heloísa Lima @hellogyn2

Vontade de fazer um vídeo anunciando o fim da paciência com jornalista que pensa que é Deus, ou pelo menos Têmis, a deusa.

Mamãe não ensinou o significado de palavras como humildade- ainda que fingida-, educação?

Quando erra – e erra muito – não admite. Arrogância à última potência! Crescer profissionalmente que é bom.

Outros, com menos empáfia e mais resultado, estão longe! Onde merecem! Enquanto isto, tem gente se jactando da mediocridade!

Que continuem aqui, chafurdando na mediocridade! Cheios de orgulho vão e mais nada! Um dia o tempo passa, e a crista alta?

Conselho aos arrogantes: estudem, preparem-se. Sobreviver como jornalista exige cada vez mais conhecimento, teoria, reflexão!