Vanderlan foi do PR, entrou no PMDB, ia para o PSC e agora vai para o PSB

O forte do ex-prefeito Vanderlan Cardoso não é coerência partidária.

Empresário, ele já foi do PR, partido pelo qual disputou o governo de Goiás em 2010.

Derrotado, apesar do discurso de “diferente”, apoiou o PMDB de Iris Rezende no segundo turno.

Em seguida, entrou para o PMDB. Não ficou muito tempo.

O comichão partidário o fez sair da legenda e anunciar ingresso no PSC, depois de ter admitido namoro com o DEM e o PDT.

Agora, de repente, o empresário descobre sua veia socialista e anuncia filiação ao PSB.

Tudo a ver, não?