Bateu recorde: vereador aliado de Caiado cria duas medalhas no mesmo dia na Câmara (uma para homenagear o avô)

O vereador Paulo Daher (DEM) bateu todos os recordes na sessão desta terça-feira. Num só dia, conseguiu a aprovação de duas medalhas na Câmara Municipal de Goiânia. Uma delas batizada com o nome de Emival Caiado e com o claro objetivo de puxar saco do senador Ronaldo Caiado (DEM); e outra que leva o nome do seu próprio avô, José Daher, e que servirá para homenagear os seus colegas de profissão (os médicos).

Os projetos foram aprovados, mas ficou patente na sessão o desconforto dos vereadores com o ímpeto “medalheiro” de Paulo Daher. Paulo Magalhães afirmou que ele estava “legislando em causa própria” e, até o último momento, estava decidido a votar contra (foi demovido da ideia para não magoar o seu xará). Jorge Kajuru (PRP) debochou e disse que seria preciso criar uma “galeria Paulo Daher de homenagens” no Legislativo da Capital.

Priscila Tejota (PSD), que também votou contra os projetos, afirmou – e com toda razão – que a prioridade da Câmara deveria ser outra. Infelizmente, ela e a Kajuru foram votos vencidos. Muito mais dinheiro público será gasto nestas homenagens inúteis que servem apenas ao projeto político eleitoral deste vereador.