Kajuru tira prótese do olho em plenário para justificar erro em votação e gera frisson

O vereador Jorge Kajuru (PRP) gerou frisson na sessão desta quinta-feira, na Câmara Municipal, ao tirar a prótese do olho em plenário. O gesto foi para mostrar que ele enxerga mal e que, por isso, havia cometido um erro no painel na votação de um veto do prefeito Iris Rezende (PMDB).

Por causa desta manifestação atípica de Kajuru e de outros vereadores, a apreciação do veto foi reaberta e ele foi derrubado. Tratava-se do projeto de lei do vereador Jair Diamantino que dispõe sobre entrada gratuita para agentes da Guarda Civil Metropolitana em eventos.