Ausência do PMDB outra vez esvazia evento de Caiado: ninguém crê mais na oposição unida em Goiás

A exemplo do que havia acontecido em Jaraguá, o encontro de partidos de oposição realizado neste sábado em Morrinhos foi esvaziado pela ausência do PMDB e do PT, que tradicionalmente não participa de qualquer evento que inclua o senador Ronaldo Caiado (DEM). O boicote do PMDB foi determinado pelo presidente da legenda e pré-candidato a governador, Daniel Vilela.

Caiado e Daniel estiveram juntos na sexta-feira em homenagem que o prefeito de Goiânia, Iris Rezende, recebeu em São Valério, no Tocantins, mas como informou com o jornal O Popular, os dois praticamente não se falaram. O clima é péssimo e hoje ninguém crê mais em oposição unida para disputar o governo em 2018.

Sem o PMDB, restou ao senador comemorar a presença de presidentes de partido que nunca tiveram voto para se elegerem síndicos de prédio e que, em alguns casos, com o de Alexandre Magalhães e Eduardo Machado, estão envolvidos em suspeitas de corrupção. Um fiasco.