Wilder cava própria cova e parte para jogo de ameaça e chantagem contra base para ser candidato

Talvez por má assessoria ou inexperiência política, o senador Wilder Moraes partiu para o jogo de ameaça e chantagem para conquistar a vaga de candidato a senador pela chapa da base aliada. Erro mortal. Wilder cava a própria cova e faz uma aposta equivocada, tentando repetir a mesma estratégia de Lúcia Vânia.

Só que entre Lúcia e Wilder existe um buraco enorme: a senadora tem voto e liderança política, em que pese seu desgaste junto à base. Já Wilder não tem voto nem liderança. Tem dinheiro. É importante, mas não basta. Para ele, seria melhor continuar pelo caminho que estava trilhando: conquistar a base pelo amor e não pela dor.