“Sou o deputado mais pobre da Assembleia”, diz Paulo Cézar Martins

O deputado estadual Paulo Cézar Martins (MDB) afirmou que não vai subscrever a indicação do secretário extraordinário de Estado Sérgio Cardoso para o cargo de conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) e que não tem medo de eventual retaliação do Tribunal caso ocupe, no futuro, o cargo de prefeito e tenha as contas julgadas pela Corte. “Eu não faço coisa errada. Afirmo com toda certeza que sou o deputado mais pobre da Assembleia Legislativa”.

PC Martins é deputado com base no município de Quirinópolis, onde já disputou o cargo de prefeito.